quarta-feira, 1 de agosto de 2018

Atualização Mensal: Julho 2018: R$ 577.023,94 (+ R$ 35.000,00) e Dívidas

Olá, ilustres da Finansfera.
Mais um fechamento mensal, um a menos rumo à IF.

Mês de julho triste, em decorrência da perda de nosso estimado amigo VDC. Deixei minhas percepções em sua página e, novamente, renovo minhas condolências à família.

Refiz alguns planejamentos e rotinas, querendo focar menos no dinheiro em si e mais na vida. As coisas estão fluindo, o que me deixa preocupado, pois sempre que tudo está dando certo, fico com uma sensação ruim, esperando a merda acontecer.

Em decorrência de N fatores e erros do passado, além de aquisições recentes, apesar da minha receita alta fruto de muito suor, sacrifício de parte da minha vida e com consequências à saúde, possuo algumas dívidas.

Não quitei elas antes, pois negociando, acertando e reorganizando, consegui congelar correções e juros ou possuem juros baixíssimos, como 3 ~5% ao ano. Então preferi fazer uma reserva, levantar meu patrimônio financeiro, re-educar meu cérebro, situações essas que fiz nos últimos anos.

Desta forma, querendo paz, criei o cronograma de quitação das dívidas, que espero seguir à risca.

A natureza dessa dívida é mista, isto é, referem-se a débitos trabalhistas que estava aguardando audiências e fechamento de acordos, além de imóvel adquirido recentemente, que mencionei em postagens anteriores. 

Tenho, também, uma dívida moral com uma pessoa que me auxiliou na vida, então o local que resido atualmente, que ainda não está quitado, será quitado por mim e doado para essa pessoa com tudo que tem dentro, implicando que terei mais custos com aquisições de eletrônicos e móveis. Felizmente, tenho total prazer nessa decisão, pois estou ajudando hoje uma pessoa que me estendeu a mão no passado.

Afinal, o mundo é redondo e dá voltas, hoje estamos por cima, mas amanhã posso estar por baixo.

O maior patrimônio do ser humano não é o financeiro, mas sim a rede de pessoas confiáveis e honestas que consegue agregar em seu círculo.

Portanto, com alguns ajustes, tenho, atualmente, R$ 380.000,00 para desembolsar.


CRONOGRAMA


Minha meta pessoal para 2018 é atingir R$ 650.000,00 em recursos financeiros disponíveis. Considerando o fechamento de julho, preciso aportar R$ 15.000,00 de agosto a dezembro para atingir essa meta.

Não sei o dia de amanhã, mas baseado na tendência e histórico, acredito que conseguirei esse aporte. Desta forma, o excedente será alocado para pagamento do débito.

Vou considerar um aporte médio de R$ 25.000,00; então vou abater R$ 10.000,00 mensal da dívida até dezembro de 2018, perfazendo o montante de R$ 50.000,00 (que serão pulverizados entre os acordos trabalhistas que parcelei até dezembro, as compras dos móveis/eletrônicos e quitação dos imóveis).

Em janeiro, a depender da situação e andar da carruagem, vou revisar as metas e defino um novo percentual. 

Queria, pessoalmente, atingir R$ 1.000.000,00 ate dezembro de 2019 e, ao mesmo tempo, quitar todas as dívidas. Para esse objetivo, precisaria de R$ 47.000,00 mensal. Receita líquida que acredito não conseguir em um curto espaço de tempo.

Portanto, algo mais crível, mas que mesmo assim estaria excelente, seria atingir a marca de R$ 800.000,00 em 2019 ao mesmo tempo quitar 80% do débito (se algum passado do fantasma não voltar para me assombrar).

Voltando ao fechamento.


APORTES

Aportes Renda Fixa: R$ 30.000,00
Aportes Renda Variável: R$ 5.000,00
Aportes totais: R$ 35.000,00
Rendimento: + 1,44%
Fechamento: R$ 577.023,94


Aportei menos dinheiro novo na RV porque comecei a tirar dinheiro de uma outra aplicação em RF para transpor na RV.

































INCREMENTO PASSIVO E RENDA PASSIVA


Considerando a diferença da evolução patrimonial com o aporte realizado, tive um ganho de R$ 8.202,55.

Esse mês recebi:

- R$ 65,60 de dividendos e JSCP
- R$ 94,59 de rendimentos dos FII 





OPERAÇÕES REALIZADAS 


Comprei R$ 30.257,96 em ações e FII:



COMPRAS AÇÕES


  • 100 EGIE3
  • 100 EZTC3
  • 100 FLRY3
  • 100 WEGE3
  • 100 ABEV3


    COMPRAS FIIs

    • 500 ABCP11
    • 40 BBPO11
    • 10 MFII11
    • 40 VISC11
    • 15 HGBS11

    Como sempre, os valores acima estão com custos de liquidação, emolumentos e corretagem.

    Acabei comprando MFII11, apesar de ciente dos riscos, minha ideia era ter 1 ~2% do patrimônio de FII nele. Depois do ocorrido e difundido em diversos locais, já coloquei em quarentena e largo lá agora, independente se fechar, retornar, afundar, virar pó ou voltar com tudo.

    Sigo tranquilo, pois a carteira é diversificada e o montante nesse FII não representa nada do patrimônio.


    COMPOSIÇÃO DOS INVESTIMENTOS (RF e RV): 


    Ignorando a renda fixa, e analisando a carteira de ações isoladamente, esse mês tive uma rentabilidade positiva de 5,72% nos papéis que compõem a carteira. 

    Chegou a alcançar mais de 9%, mas deu uma caída na última semana. Na proporção, ficou  79/21 entre RF e RV:





    CARTEIRA AÇÕES:




    CARTEIRA FIIs:






    VALORIZAÇÃO INDIVIDUAL DOS PAPÉIS:




    A título de curiosidade, até a presente data, em relação ao meu preço médio, os papéis flutuaram conforme segue:





    DÍVIDAS ATUAIS


    - R$ 380.000,00






    Continuo trabalhando para aumentar a receita, fazer o bem e manter a sanidade mental.

    Paciência, foco e fé.



    Abraços e até a próxima.

    28 comentários:

    1. IP, ótimo ver a evolução e que as coisas estão fluindo melhor na vida. A saúde também anda melhor, por que não reclamou. Boa sorte no pagamento das dívidas e que tudo evolua com o minímo de imprevistos possível.

      Abraço

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Obrigado pela visita, Sequoia!

        Tem fluído bem melhor sim, a vinda do filho "me obrigou" a tomar uma série de medidas, como reduzir a carga de trabalho, justamente para que eu possa brincar e vê-lo crescer.

        Quanto às dívidas, espero que não apareça mais nenhum imprevisto ahahaha mas faz parte.
        abraços

        Excluir
    2. "O maior patrimônio do ser humano não é o financeiro, mas sim a rede de pessoas confiáveis e honestas que consegue agregar em seu círculo."
      Concordo plenamente!!! E infelizmente nao consigo ter uma rede de pessoas confiáveis e honestas para agregar em meu círculo.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá, anônimo
        Eu demorei muito tempo para conseguir construir essa rede, inclusive, fui cortando alguns relacionamentos, mas sem brigas ou nada do tipo, simplesmente deixando de manter contato.

        Eram pessoas âncoras, que acabam te empurrando para baixo.

        Às vezes tem um amigo antigo, que faz anos que não fala ou mantém contato, mas vale a pena ter em seu círculo diário.

        Excluir
    3. Cada dia mais fico impressionado com os valores dos aportes. Será que um dia eu chego a esse nível?

      Ótimo saber que as coisas estão melhorando. Concordo com vc. Apesar de todos aqui termos o objetivo de ficarmos mais ricos, acredito que a vida seja bem mais que isso. Não devemo-nos nos fechar somente em enriquecer, e sim conciliar os investimentos e objetivos financeiros junto com nossa familia e vida social.

      Acabei de criar meu blog. Sei que nao tem nada nele ainda, mas venho aqui convidar a todos a darem uma passada lá, acompanharem e me ajudarem a evoluir cada vez mais.

      Grande abraço

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá, Papa
        Vou adicionar no blogroll e acompanhar.

        Nunca foquei em "ganhar mais", acabou acontecendo nos últimos 3 anos. Meu foco sempre foi "preciso de mais R$ 1.000,00 para ajudar meu pai". Agora, mais R$ 1.000,00 para ajudar minha mãe.

        Quando vi, tudo começou a crescer.

        Quanto a vida, posso falar com propriedade, pois não vivi absolutamente nada dos 12 aos 30.
        Quero dizer, tinha o meu social, minha namorada/noiva/hoje esposa, mas não fui a shows, deixei de ir a muitas festas apostando em um projeto (que é o que deu retorno hoje), sai muito pouco por questões financeiras e sempre foquei em atividades paralelas, como aulas particulares etc

        No fim, trabalhei absurdamente em várias frentes e esqueci de detalhes pequenos.

        Abraços!

        Excluir
      2. Exato. Acho que o segredo é esse.
        Vivendo uma livre leve e plena, focado nos seus objetivos e fazendo o bem (como parece que é o que tu faz), acontece a progressão financeira. Você prospera.

        Li sobre sua historia e realmente, vc deu um gás no começo da vida e isso foi essencial para seu ótimo futuro.

        Parabéns.
        Hoje você pode aproveitar tudo isso na vida. Hoje vc tem a tranquilidade para tal. Espero chegar um dia assim também.

        Excluir
      3. Com certeza chegará, só ter paciência e perseverança.

        Mas leve a vida no equilíbrio, como uma gangorra, nem no alto com excessos, nem na baixa com avareza.

        Excluir
    4. Rapaz que aportes! Comecei recentemente. Vou segui-lo!

      Abs!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Obrigado, Galo!
        Vou adicionar no blogroll e sigo acompanhando.

        Os aportes foram consequências de muito esforço e perseverança.
        Abraços

        Excluir
    5. É isso ai IP bons aportes e boa tática, parabéns.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Valeu, Lawyer!
        Quitar logo tudo que tenho, as dívidas, acertos e focar na tranquilidade.

        Excluir
    6. Olá IP,

      Parabéns pelo aporte e pelo patrimônio. Sempre é bom lembrar daqueles que deram uma mão para gente. O problema de ter empresa é que sempre vai ter um (empregado) que vai querer nos ferrar. Pela sua capacidade de fazer dinheiro, isso vai ser fácil para ser pago.

      Abraços.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Sem dúvida, Cowboy.
        Aliás, essa pessoa continua me ajudando até hoje, então devo apoiar sempre.

        Quanto à empresa, esse empregado do processo, sem dúvida alguma perderia a ação judicial.
        Mas estava passando de carro e encontrei ele em um semáforo pedindo dinheiro e vendendo pão caseiro...
        Chamei para conversar, disse que não encontrava mais emprego, agradeceu por tudo, pediu desculpas pela ação judicial, pois foi pressão de "vizinhos e parentes".
        No fim, perguntei quanto ele queria para encerrar tudo, mais para ajudá-lo do que para me livrar do processo e homologamos judicialmente.

        Excluir
    7. Bom dia, uma duvida, vc colocou que aportou 30k em RF e 5 em RV e abaixo que comprou 30k de Ações...??
      Qual seu portifolio de RF?
      Abraços e parabens!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Bom dia!
        Nos APORTES eu coloco só o "dinheiro novo", isto é, esse mês foram 35.000,00 em dinheiro novo, sendo 5.000,00 direcionado para RV.

        Comprei 30k em ações, pois peguei 25k da poupança e juntei aos 5k novos do aporte mais dividendos.

        Na RF tenho alguns FI-DI para investidores qualificados, com percentual de administração de 0,5% e rentabilidade hoje na faixa de 0,5~0,6%. Na selic elevada estava retornando 0,9% a 1,1%.
        E também 110.000,00 na poupança mesmo, que é de onde estou tirando 20~25k por mês para comprar em ações junto com parte do dinheiro novo.

        Como o foco é a RV e mês a mês vou aumentando a participação e preciso de liquidez imediata para não perder eventual "oportunidade", deixo essa grana aí mesmo.

        Embora seja um bom investimento, não gosto de Tesouro Direto por questões de princípios e também não possuo debêntures, lci/lca etc por conta de liquidez e prazos.

        Vou deixar uma reserva só na RF e o resto vai devagar para a RV.

        Excluir
      2. Entendi show de bola! Achei sua carteira de ações bem interessante, com ações que gosto muito. Das suas 16 tenho 10. Além delas Bradesco, B3, Kroton, Hypera, Ultra, Sabesp, Linx, CVC, BB Seguridade e Multiplus.

        Excluir
      3. Dos ativos que possuo, os únicos que são mais para "acompanhamento" é PTBL3 (mercado muito incerto) e PARD3 (IPO...), por isso representam quase nada da carteira.

        Das empresas que você mencionou, segue minhas percepções, lembrando que não sou analista e não se trata de recomendação, mas apenas opinião minha para compreender o porquê possuo ou não:

        BBDC3 - Teria tranquilamente, excelente empresa, só não tenho pois optei por ITUB3, quando aumentar mais a posição em todos os papéis, adicionarei mais uma do setor financeiro;

        B3SA3 - lucros consistentes, 7 bilhões em caixa, sem dívida, receita aumentando, margem ótima, teria também;

        KROT3 - Está na minha lista de prováveis compras também, estou esperando 2019 (pós eleição e fechamento anual). Estou analisando apenas a dependência do FIES;

        HYPE3 - Adoro o setor, acho que o setor de saúde é o que terá maior crescimento para o futuro. Foi reestruturada e está melhorando. Por enquanto sigo só analisando, pois não gosto da dependência dela com o Governo.

        UGPA3 - Embora tenha resultados bacanas, não gosto do setor e a dívida da empresa me incomoda, então prefiro não comprar por enquanto, sigo acompanhando;

        SBSP3- Gosto da empresa, só não tenho porque majoritário é o Estado, então não cumpre um dos meus critérios que é "não ter dependência do governo". Questão de princípios;

        LINX3 - Tenho empresas no segmento, então prefiro injetar o dinheiro em mim mesmo;

        CVCB3 - Não gosto de empresas de turismo, do case dela etc Os números são bons, com balanços e resultados bacanas, público fiel, facilidades para parcelamentos e terceira idade, mas não me sinto confortável com o setor;

        BBAS3 - Acredito que tem muita ingerência política, embora melhorou muito, mas quem garante no futuro, então prefiro ficar de fora;

        MPLU3 - Não gosto desses programas de fidelidade e o majoritário é a TAM com 72%, então fico de fora.

        De qualquer forma, o que importa é a diversificação, pelo que contei, você tem 21 empresas, então está "blindado".

        Abraços!


        Excluir
      4. Obrigado Investidor, sempre é bom ouvir a opinião de pessoas mais experientes. Concordo em tudo que vc diss, e estou aguardando os resultados do 3 TRI. Algumas que vc citou estar de fora, são parte da carteira de risco, como CVC, Mplu. Estou um pouco desconfortaveos com UGPA, que eu achei excelente empresa no ramo, mas não tinha me atendado a margem baixissima, alem dsso entrei no pico paguei mais de 78,00 e hj caiu 50%. Emrelação a Sabesp, empresa redonda (poderia ser Sanepar), e serve pra mim como empresa blindada pelo setor. Abraços!

        Excluir
    8. Aporte super violento!! Parabéns!!! Ano que vem já atinge o primeiro milho.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Obrigado, Gari!
        Acho que o primeiro milho em reservas financeiras não será possível pelo eu cronograma atual de dívidas, mas vamos ver.

        Excluir
    9. Que bom que tem pensado mais em si... cuide da saúde, antigamente lia suas reclamações, acho que agora acabou as dores né? siga nesse ritmo pois você vai ter que jogar bola com o meninão quando ele crescer !!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá, Stifler!
        Na verdade, parei de reclamar porque as pessoas à minha volta disseram que eu reclamo muito. Então parei de lamentar.

        Mas, realmente, estou muito mais focado na minha saúde sim, o filho mudou minha percepção. Esse mês agora já começo atividades físicas novamente!

        Abraços!

        Excluir
    10. Olá, IP.

      "o mundo é redondo e dá voltas, hoje estamos por cima, mas amanhã posso estar por baixo.

      O maior patrimônio do ser humano não é o financeiro, mas sim a rede de pessoas confiáveis e honestas que consegue agregar em seu círculo"

      Uma fantástica lição de vida em dois parágrafos. Parabéns por pensar assim. Eu às vezes sou julgado como bobalhão por alguns conhecidos por ajudar muito a minha família, mas eu faço com serenidade e isso me deixa tão feliz quanto aportar.

      Como sempre, ótimo aporte e boa diversificação, na minha leiga opinião você está a passos largos rumo à IF e ao sucesso. Vc nunca mais relatou a questão das crises de estresse, como anda esse quesito? Está fazendo atividade física?

      Abraço e bons investimentos.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá, Investidor Concursado

        Eu sempre fui taxado de "o trouxa" por conta dessa posição de ajudar as pessoas. No passado exagerei, mas faz parte da vida.

        Específico as crises de estresse, aumentei a equipe, deleguei mais coisas, estou menos focado no trabalho, tentando me desligar um pouco.

        Contudo, ainda estou sedentário, mas desse mês de setembro não passa!

        Excluir